Continuando com a nossa série de posts “O que preciso para criar meu blog?“,  você já definiu o nome, já definiu o conteúdo e agora?

Agora é a hora de definir qual plataforma você vai usar para gerenciar o seu conteúdo.

o que preciso para criar meu blog

Qual plataforma devo escolher?

Atualmente a blogosfera é dividida basicamente em duas plataformas: Blogger e WordPress.

O Blogger é uma plataforma do Google, é grátis, não há a necessidade de contratar hospedagem e nem domínio. Você contrata o domínio se você quiser para que não fique com o domínio próprio do blogger: seublog.blogspot.com.br.

O WordPress, por sua vez, pode ser dividido em WordPress.com e WordPress.org. Vamos entender a diferença de um para o outro?

O WordPress, na verdade, trata-se de um programa que atua como gerenciador de conteúdo. Para usar o WordPress você não paga nada. Só que, para ter acesso a todos os recursos que ele possui, você precisa ter ele instalado numa hospedagem, que nada mais é do que um espaço em disco online. Como se você tivesse um HD online para colocar seus arquivos.

Então, você está pagando para usar a hospedagem, e não para usar o wordpress em si. No wordpress.com você não precisa pagar nem a hospedagem. Ele te deixa usar o programa grátis para blogar mas, em compensação, você não consegue usar todos os recursos que essa plataforma te disponibiliza (dentre eles, podemos citar: Layouts personalizados, Plugins).

O que devo considerar na hora de escolher uma plataforma?

Alguns itens devem ser considerados na escolha da plataforma como:

– Orçamento;
– Recursos;
– Profissionalização do blog;

Explicando melhor cada item:

– O orçamento que você tem disponível para investir no seu blog é um fator a ser considerado na escolha da plataforma pois, caso você venha a decidir que vai usar o WordPress.org, você precisará, obrigatoriamente, contratar domínio e hospedagem. Apesar desse investimento ser relativamente pequeno, ainda assim pode pesar muito, principalmente se você está iniciando e não tem certeza se seu blog vai engrenar ou não. Também deve-se considerar que, ao fazer um blog no WordPress.org, você eventualmente irá precisar de um layout (seja ele um tema pronto comprado ou seja ele feito por um webdesigner) e esses layouts costumam ser mais caros nessa plataforma do que no Blogger, por exemplo, que é mais disseminado e , por isso, você consegue fazer um layout personalizado com preços mais em conta.

– Se você espera que seu blog tenha bons recursos tanto em termos de visual (Slides, Mega-Menu..)  quanto em termos de funcionalidades (SEO, Templates de páginas, Formulário de contato..), então, definitivamente você deve considerar o uso do wordpress.org. Também é uma plataforma recomendada caso você esteja almejando a profissionalização do seu blog e a utilização de um layout personalizado exclusivoCom o passar do tempo, algumas pessoas desenvolvem ou adaptam alguns recursos existentes previamente para o Blogger de forma que a plataforma não fica tão defasada perante seu concorrentes. Entretanto, a maioria desses recursos só podem ser implementados com a ajuda de alguém que entenda de programação pois, em muitos casos, tratam-se de códigos em html e javascript que acabam por trazer dificuldade por parte de um usuário com pouco conhecimento. No caso do wordpress.org, por exemplo, o usuário pode se valer do uso de plugins, que bastam ser instalados e ativados para que já funcionem.

Em termos de recursos, as 3 plataformas ficariam na seguinte ordem (de menos recursos para mais recursos): Wordpress.com < Blogger < WordPress.org.

Se você ficou com alguma dúvida sobre a questão das plataformas disponíveis, sobre o que é preciso pagar ou não ou quer sugerir um tema para os próximos posts, basta deixar um comentário!